Quantas vezes eu devo perdoar?

Todos nós, sem exceção, já vivenciamos alguma situação que nos conduziu ao conflito entre perdoar ou não aquele que nos ofendeu, machucou, agiu de forma injusta ou, ainda, cometeu o mesmo erro que antes, decepcionando-nos outra vez.

Nesses momentos, você pode ter se perguntado: “Preciso mesmo perdoar aquela pessoa?” ou “Quantas vezes devo perdoar aquele que me ofendeu?”. Você também pode ter tentado justificar a dificuldade de perdoar dizendo: “Você não sabe o que aquela pessoa me fez”.

Muitos cristãos já desejaram, em seu íntimo, que não fosse necessário perdoar ou que houvesse um limite para esse perdão, de modo que as pessoas não pudessem errar conosco mais do que um determinado número de vezes. Mas se o perdão do Senhor para conosco não possui limites por que o nosso haveria de ter?

Sendo assim, a resposta para essas perguntas continua sendo a mesma que o Senhor Jesus deu ao apóstolo Pedro há mais de 2000 mil anos atrás: o perdão é um mandamento e uma necessidade e você deve oferecê-lo de forma ilimitada.

Se você deseja perdoar aqueles que lhe ofenderam, mas reconhece que tem dificuldade de fazê-lo, leia conosco o capítulo “O perdão”, da nossa indicação de leitura do bimestre, o livro Nos Passos de Jesus, e descubra como ter um coração perdoador.

Além disso, deixe aqui nos comentários alguma sugestão para o nosso Clube de Leitura.

Related Posts

Deixe um comentário